terça-feira, 5 de março de 2013

um convite ...

 
 
 
 
hoje bem cedo recebi, por e.mail, esse link que postei para voces, lá embaixo.
fiquei tão emocionada, chorei, penso até que foi uma linda maneira de começar o dia. Porque chorei de emoção, e não de tristeza.
trata-se de um presente surpresa que dois filhos preparam para os pais, ambos cegos, no dia do aniversario de casamento deles, 25 anos.
não é um video triste, nem careta, ao contrário, tem uma alegria, um amor tão grande, que transcende, envolve, e comove demais.
e mais uma vez me convenço de que a simplicidade, o calor humano e a dignidade, são os alicerçes de uma vida plena, e feliz.
pensar que não houve percalços nem dúvidas, e nem problemas, seria muito infantil de minha parte.
mas houve muito mais que isso na trajetória dessa familia. Um grande e incondicional amor, que é a base de tudo quando se fala de irmãos, pais, familia enfim.
espero que vejam, não é longo, e vai valer a pena cada minuto, acreditem!
um beijo!
 
amo voces, todos!
 
   
 
 
 
 
 
 
 
 
 




21 comentários:

  1. Ivani, eu vi hoje cedo! Lindo de verdade e muito emocionante. daqueles que valem a pena ser vistos! beijos,tuuuuuuuuuuuuudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  2. Suspiro e certeza de que somos melhores quando somos bons.
    Tds os sentimentos dos 4 sentidos para nós
    Hj e sempre :)

    ResponderExcluir
  3. Sobre seu comentário lá estou me embolando de rir depois de vc me emocionar com o vídeo.
    O Bob irrita a mim tb e muito, a musiquinha e o pirata da abertura então, odeio.
    Eu sou fã do Lula Molúsculo, de certas criticas as redes de fast food que o desenho faz e tb das historia clássicas e mitos que eles contam de maneira leve, engraçada e educativa
    adoro quando o Lula diz para o Bob:
    Sabe o que eu tenho vontade de te dizer desde o dia em que te conheci?
    Lógico que ele diz que não sabe e a resposta é:
    Adeus!

    ResponderExcluir
  4. Ivani, querida, quem não é bobona de vez em quando que atire a primeira pedra! Tenho a sorte de ser amada e de muito amar ainda que amigos virtuais.
    Foi lindo, tocante, emocionante o video dos 4 sentidos.
    També, bobona, me emocionei.
    Também te amo.
    Beijo

    ResponderExcluir
  5. Que lindo. Os filhos também tem os sentimentos a flor da pele.
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Ivani, assisti a tudo e o vídeo é mesmo encantador. Ficou para mim a mensagem de que uma vida plena é vivida com o despertar dos nossos sentidos, tão esquecidos nas correrias do dia a dia e principalmente, não há limitação para o amor. Só pais muito amorosos podem ter criado filhos tão amorosos a ponto de bolar tantas surpresas.
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  7. Muito emocionante, Ivani.
    Parabéns, parabéns.

    ResponderExcluir
  8. Oi Ivani, sem dúvida o vídeo é maravilhoso, uma lição, de vida a. Viver é a arte de queres ser feliz, e podemos sempre.Que filhos amorosos, com certeza receberam muito amor e carinho dos pais.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  9. Ivani
    você é tão doce com as palavras!
    me emociona o jeito que comenta lá no meu blog, eu que as vezes são tão crua e direta aqui no seu.
    Mas hoje estou meio que amolecida, meio que sensível. O vídeo veio numa hora em que preciso chorar de verdade.
    Família é assim, feita com filhos gratos e revelações verdadeiras.
    Amei!
    beijo
    Zizi

    ResponderExcluir
  10. Olá, minha querida amiga,

    Estou enxugando as lágrimas também, o vídeo é lindo
    demais! Eu já cheguei aqui extasiada, pois havia acabado de ouvir a orquestra do maestro Ennio Morricone, de quem tenciono falar umas duas coisinhas no meu próximo post, então, não foi possível segurar a emoção, rsrs.

    Um beijo e boa noite!

    ResponderExcluir
  11. VOU LÁ ESPIARRRRR

    BJINHOSSSSSSSSSSSS

    ResponderExcluir
  12. Encantador e emocionante o vídeo!
    E tuas palavras sempre muito doces.
    Beijinhos,
    Beth

    ResponderExcluir
  13. Chorei....
    Mas chorei de emoção. Emoção boa...
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Muito lindo, obrigada por compartilhar!!

    Bjs amiga

    ResponderExcluir
  15. Vou lá ver e ...chorar!!bjs amore!!

    ResponderExcluir
  16. OI QUERIDA!QUE LINDOOOOOOOOOOOO!!ENXERGAR A VIDA COM TODO OS SENTIDOS, APRENDER A VER O LADO BOM DAS COISAS, SER FELIZ COM O QUE SE TEM E COM O QUE SE PODE TER, SONHAR COM MAIS, COM O MELHOR,COM A FELICIDADE...E NEM CHOREI!!BJS.

    ResponderExcluir
  17. É queridinha
    Podemos passar inúmeras dificuldades, e ter de batalhar muito para alcançar certos objetivos e, ainda assim, morrermos na praia.
    Podemos deixarmo-nos consumir pelo trabalho, e perder noites de sono ou deixar de passar finais de semana com a família apenas por que temos extrema necessidade de conseguir recursos para mantermos uma vida digna, ou amargarmos um período obscuro de desemprego.
    Podemos assistir a injustiça bater à nossa porta e perceber, infelizmente, que em algumas ocasiões não há absolutamente nada a fazer.
    Podemos chorar com o coração partido a perda da pessoa amada ou de um ente querido.
    Podemos, por tanta coisa negativa que aconteça, julgarmos que tudo sempre dar errado conosco e maldizermos nossa sorte.
    Depois de tudo isto até podemos deixar passar pela cabeça a estúpida idéia de fazer uma grande besteira consigo mesmo, desde que seja exatamente assim:que tal idéia passe – e nunca mais volte, por que a Vida é Superação!
    Nós não nascemos andando, não nascemos falando, nem pensando tanta bobagem - e o que não podemos em hipótese alguma é perdermos o ânimo, o espírito, e nossa capacidade de amar, de se superar e de viver!

    ResponderExcluir
  18. O que foi que eu disse, Ivani? No post anterior?
    Ou você me faz rir, ou me faz chorar!
    E agora, foi impossível segurar as lágrimas. Muito lindo!
    Obrigada por isto, minha amiga!

    ResponderExcluir
  19. Obrigadão,Ivani! Foi lindo demais! Aproveitamos muito e verás na parte 2 a beleza do Caracol! Muito legal! Pana que acabou, foi vapt e vupt,rs beijos,chica

    ResponderExcluir
  20. Ivani, na minha infância eu fui com minha vizinha dar banho em um recém-nascido por uns dez dias. Os pais eram cegos. Moravam num cortiço, sem família, contando apenas com a bondade alheia. Eu perguntava para a vizinha "Rosa, mas como eles vão cuidar?". Melhor do que nós que enxergamos, ela respondia.
    Ver este vídeo me faz desejar, sonhar que a vida deles foi assim.
    Emocionante! Obrigada por compartilhar.
    Bj

    ResponderExcluir
  21. Desde o início eu comecei a chorar, um pouco de tristeza e muito de emoção. Emoção naquilo que o ser humano tem de melhor.
    You know, eu tenho 2 irmãos e 2 irmãs que têm somente de 10% a 5% da visão. Legalmente são cegos. Cresci com eles, vendo a dor e a dificuldade deles no dia a dia, em todos os sentidos.
    As meninas, apesar de todas as dificuldades, fizeram faculdade; um dos meus irmãos morreu há 3 anos, e o outro viaja o mundo todo, diz que conhecer tudo q puder antes da escuridão total chegar. E sabe Ivani, tenho certeza que qdo ele vai a Paria, a Nova York, ou em qq outro lugar ele conhece + do q muita gente, pois ele é um homem culto, conhece de cinema, estória, livros, política.
    Obrigada amiga, vou enviar esse vídeo para os filhos de minha irmã.

    ps.: aquelas florzinhas não são rosinhas não. Não sei o nome delas, e elas não crescem + do que aquilo q você viu. Acho q elas sempre criar um visual bonito qdo misturada com outras flores.

    Beijos

    ResponderExcluir