quinta-feira, 7 de março de 2013

Mulher, leite, doce...







Minha mãe sempre contava que eu tinha nascido à "forceps" , em casa, nas mãos de uma parteira, que quando entrou em desespero e percebeu que não daria conta, chamou seu filho que estava cursando medicina, lá em Sorocaba nos idos de 1948...
Voces têm alguma noção do que é um parto à forceps, sem anestesia, depois de horas e horas de contrações, em casa?
Minha mãe sofreu muito nesse meu parto, um sábado inteirinho de dores e lágrimas e promessas a Santo Antonio, seu santo querido. Por isso meu primeiro nome é Antonia, homenagem muito merecida a esse amigo que segurou nas mãos de mamãe nas horas da pior dor.
Mas o que eu queria mesmo dizer é que já nasci toda estrupiada! A familia, minha avó, mãe e pai, contavam que eu vim toda machucada, inchada, com hematomas pela cabeça e pescoço.
Chorava muito, não sugava o leite de minha mãe, não aceitava mamadeira de leite de espécie alguma.
Minha tia Agripina, estava com minha prima Maria Neusa ainda bebê, e tinha seios fartos, muito leite.
Nela eu sugava, era mais fácil (já era meio folgada rsrssr), mas era impossível ficar o tempo toda à disposição, principalmente à noite.
Era um problema, mamãe tentou até leite de cabra, e eu nadinha...
Um certo dia,  chorava tanto de fome que mamãe desesperou-se, abriu uma lata de leite condensado, misturou em água, e me ofereceu.
Mamei tudo! (eu nunca fui boba!).
Cresci forte e atrevida. E tive que enfrentar tantas pancadas da vida, que chego a pensar que ter nascido machucada não foi nada...
Bem, minhas queridas, tudo isso foi para dizer que mulher é mesmo muito forte. E mulher que já nasce mamando leite condensado, só podia dar nisso, forte, porém  melada!
Parabéns a voces pelo dia Internacional da Mulher, todas merecem receber ao menos uma flor nesse dia, ou um abraço bem apertado, ou um carinho bem dado, ou um jantar bem pago rsrsrsrs
Vou plagiar minha querida Chica, e deixar aqui um grande abraço às minhas filhas lindas, queridas e muito amadas. E também à minha nora, que ama meu filho e por isso eu também a amo.

Que o dia de voces seja especial, alegre e doce.

(as fotos são das duas mais novas mulheres da familia. Lara e Valentina, minhas netas)

29 comentários:

  1. Ah! Descobrimos de onde vem a tua doçura! Da doce e forte mãe e das latinhas de leite condensado...
    Neste post em homenagem às mulheres eu adorei saber sobre a Antônia.
    Um beijo e um dia doce.

    ResponderExcluir
  2. Descobri o porque de tanta ternura: foi o leite condensado...kkk.
    Meu Deus, como mulher sofre...
    Meu filho mais velho também saiu a fórceps, mas eu estava no hospital e com uma anestesia na veia. O danado também não queria mamar nada, até que um dia, morando numa cidade pequena, fui no posto de saúde e a pediatra mandou dar leite de vaca com água. Foi o que fiz. Deu certo (apesar dele vomitar as vezes). Hoje graças a Deus o rapaz está grande, forte e até gordinho. Quanto desespero...
    Parabéns a você também Ivani leite condensado.

    ResponderExcluir
  3. Que surpresa quando abri o blog e vi a minha princesinha...uma mulherzinha!
    E a história do leite condensado eu conhecia e sempre gostei de ouvir!
    Você é mesmo nossa fortaleza e nossa doçura!
    Parabéns! Te amo!

    ResponderExcluir
  4. Tudo explicado então: mulher de "sustância" e doçura... rsrs Não imaginas o quanto me deliciei com o texto. Abraço apertado!

    ResponderExcluir
  5. Ivani, por ser hoje um dia muito especial, a gente tem que fazer coisas muito especiais, não é? Então passei aqui para deixar meu carinho e agradecer o seu carinho para comigo. Você, apesar de aparentemente levar quase tudo na brincadeira, não brinca na vida. Tem suas coisas todas certinhas além de estar sempre preocupada em fazer o melhor para os seus amigos. Nós todos adoramos você. É a mulher mascote da blogosfera. Nossa representante sentimental.
    Um beijo muito grande para você, símbolo de mulher!
    Manoel

    ResponderExcluir
  6. Obrigada, mais uma vez, querida Ivani, pelo texto lindo! Que história maravilhosa e comovente! Através de seus textos vamos costurando sua história e conhecendo você aos pouquinhos, já que não é possível passarmos tardes inteiras nos conhecendo pessoalmente.
    Feliz hoje e sempre! De sua grande admiradora e amiga,

    Eneida

    ResponderExcluir
  7. Quase ia me esquecendo de dizer que as mulheres da família são lindas! Todas elas!

    Beijos,

    Eneida

    ResponderExcluir
  8. Tu és simplesmente maravilhosa, melada ou não! Adoro te ler e tudo que vem daqui é legal! Lindas tuas netas, podemos apresentar nossos netos.Quem sabe ficamos parentes...rs...

    E essa história de fórceps é fogo mesmo. Trabalheira ,dores doidas aquelas que tua mãe deve ter sentido e passado. Mas valeu a pena..Saiu uma guriazinha TRI LEGAL!!! beijos,Feliz nosso dia! chica

    Esqueci de dizer que de boba não tens nada: leite condensado é muito bem. Só faltou tu aceitar apenas um ovomaltine junto,rs...

    ResponderExcluir
  9. Lindas as meninas e esse nome Valentina, promete uma mulher forte e encantadora.
    Lara soa mais doce, serena, acalmadora de Valentinas e Tinas...rsrsrs
    O parto de sua é que pode-se chamar de parto, mas tudo que é bom é caro, difícil, ilegal, imoral ou engorda, pra sair essa joia que é vc tinha mesmo que da trabalho.
    Meu carinho e admiração, com braçada de flores do campo e um abraço de quem nunca se viu, mas se ama \o/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. :O
      Comi a palavrinha mãe
      "O parto de sua MÃE..."

      Voltei para pedir seu e-mail, não sei se nunca tive, se tinha e perdi...A idade anda a me pregar peças :)

      Excluir
  10. Temos nossas histórias e só quem pode avalia-las somos nós, que vivemos aquela "epoca"
    Desejando um feliz dia das mulheres como todos os dias devem ser para nós!
    Passando para desejar
    BOA sexta feira! ♥
    ♥ Beijos coloridos!

    ResponderExcluir
  11. Amiga Ivani!
    Deixando as dores de lado, até porque minha mãe e eu parimos como gatas, encontrei algo em comum entre nós: fomos criadas com leite condensado. Morávamos no cafundó, numa serraria em Santa Catarina e meu avô aqui de Carazinho, mandava por avião até Joaçaba as caixas com leite condensado e "Arrozina"( prima da Maisena), para alimentar-me. Dizem que eu adorava a "iguaria"!
    Adoro ler teus escritos!
    Beijinhos,
    Beth

    ResponderExcluir
  12. Parabéns pra você minha querida, você já nasceu especial, o único bebê que conheço que 'mamou' leite condensado - esperta desde o início :)

    Suas netinhas são muito lindas Ivani.

    ResponderExcluir
  13. Olá, Ivani! Nossa que linda historia... Parabéns! Bendito seja todos os dias da mulher. E maldito seja todo homem covarde. Abraço! www.beabadosucesso.com.br

    ResponderExcluir
  14. Adoro a maneira como escreves.
    Beijinhos grandes e que tenhas tido um bom dia.
    O meu foi igual aos outros apenas me recordei mais da minha avó que faria anos.
    Beijinhos pinta.

    ResponderExcluir
  15. QUE LINDO O QUE VC FALOU SOBRE AS MULHERES!!! É , SOMOS REALMENTE FORTES, MUUUITO FORTES. A VIDA NÃO É FÁCIL PRA QUEM É MULHER. E VC, IVANI, QUE JÁ NASCEU LUTANDO PELA VIDA, É UM EXEMPLO DE FORTALEZA FEMININA!!!

    BJS DE MULHER PRA MULHER!!!

    ResponderExcluir
  16. Ivani querida...que história!!! Leite condensado para bebê eu não sabia! Você era é bem esperta desde cedo...mas coitada da mamãe, hehe! Minha sobrinha também recusou leite com apenas 3 meses e minha irmã tinha que se virar nos 30 e de madrugada fazia mingau de Cremogema (que ela comia bem, até que um dia descobriu que ela gostava de leite gelado, veja só e as coisas melhoraram e minha sobrinha sabe bem o que quer e o que gosta até hoje, viu!
    Histórias mais histórias e adorei as fotos lindas, parabéns!
    Escreve um livro de crônicas das suas aventuras Ivani!!! Escreve vai!!! Eu ia amar ter tudo isso no papel...
    Beijos mulher estrupiada, mas guerreira! E te desejo uma ótima semana com muita paz!
    CamomilaRosa

    ResponderExcluir
  17. Ah...fazia tempo que eu não ouvia essa palavra "estrupiada"...minha avó materna falava muito! Saudades! Obrigada pela recordação!
    Bjs

    ResponderExcluir
  18. Ivani, saio limpando as lágrimas que as lembranças do blog da Calu me despertaram e caio aqui, nesse cafofo contando o quanto nasceu sofrendo e o quanto a vida nos ensina à forceps (e dá-lhe lágrimas, hahaha)...que hajam muitas latas de leite condensado para continuar adoçando sua vida e suas palavras, você merece. Um abraço!

    ResponderExcluir
  19. Vim lá da Ana Paula e quero desejar que teu niver seja lindo! A véia aqui estava achando que era em JUNHO. Pode? FELICIDADES, muitas coisas boas, alegrias, mais viagens pra Itália, tuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuudo que desejares! beijos,chica

    ResponderExcluir
  20. Ana me contou sobre a data de hoje, nós com 15 anos, assim como pessoas de idade mais avançada não sabemos de td e é sempre bom ter amigas para avisar.
    O dia começa lá na Ana, com mta doçura e tem mais festinha surpresa lá no blog no finalzinho da tarde, se interna no salão...risos...faz escova, unha, veste o melhor vestido e receba desde agora, de avental sujo de farinha e cabelos amarrados com elástico meu abraço bem apertado e saltitante \o/

    ResponderExcluir
  21. Vim através do blog da Tina te desejar um doce e feliz niver, adorei o blog! Parabéns!!bjs
    Amara

    ResponderExcluir
  22. Ivani, minha querida e especial amiga. SALVE 13 DE MARÇO!
    Resolvi passar bem atrasado aquí para ficar em destaque e você prestar mais atenção em mim.
    Meus parabéns, muitas felicidades e muitos anos de vida. Que Deus carregue você de bençãos e permita que fica muitos e muitos anos em nossa companhia, alegrando e adoçando os nossos corações.
    Um beijo especial no seu coração.
    Manoel

    ResponderExcluir
  23. PARABENS PELO BLOG! JÁ ESTOU TE SEGUINDO... SE PUDER RETRIBUIR, FICAREI MUITO GRATA!

    www.lupapodemulher.com.br
    www.lupapodeblog.com.br

    ResponderExcluir
  24. Ivani, adorei teu comentário lá na Perua,rs Imagino a cena dessa daí! Credo! beijo,linda semana,tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  25. Ivani, querida,


    Mamar leite condensado não é para qualquer um não, que bebezinha esperta, rsrs. O texto, porém, me lembrou da fome da minha filha Lili, que também teve de ser introduzida no leite em pó cedo, pois o meu leite não saciava a fome dela, rsrs.
    Mas eu desconfiava que alguém havia passado açúcar em você, oops, deu algum doce especial para você, rsrs.

    Beijo!

    ResponderExcluir
  26. Olá Ivani:
    Cheguei agora e estou adorando seus textos.
    Já deu pra perceber que o leite condensado lhe deu além de doçura e força muita eloquência.
    Minha avó também usou leite condensado para amamentar minha mãe pois era tempo de guerra e tudo era escasso.
    Parabéns Antonia Ivani (bela homenagem!)pelo blog.
    Abraço forte,

    (pois é uma bela hom

    ResponderExcluir
  27. ... desculpe preciso acrescentar isto:
    pois é uma bela homenagem as mulheres que sofrem para fazer nascer, as que nascem sofrendo mas que conseguem seguir vr ivendo e vendo belezas pela vida...
    Exemplos para estas duas pequenas lindezas: Lara e Valentina.

    ResponderExcluir